Pássaro só
 (Humberto Rodrigues Neto)

Assim como essas aves solitárias
viver não logram se não for em bando,
cada um de nós é um pássaro buscando
não ser no voo da vida meros párias.

No afã de não ser sós vamos ruflando
no azul da vida as asas temerárias,
buscando, dentre as aves solidárias,
as que estão sós, na imensidão flanando.

Se tu’alma traz da solidão o pó,
e igual a mim és tímida avezinha,
causando às demais aves medo e dó...

vem desmanchar tua solidão na minha,
e nunca mais hás de voar sozinha
e nem meu voo se fará tão só!

São Paulo / Brasil
 
*********
 
Créditos:
 Midi:Ernesto Cortazar:the_pianist_is_playing_our_song
Imagem: Fazenda Santa Rita (uso exclusivo
do site OlhosDeLince. Proibido uso e reprodução)
 

*********

Clique na imagem e envie para até 10 pessoas

CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!

Home||Menu||Livro de Visitas||E-mail
 


webdesigner:
*Ja(Mulher)*

melhor visualização: 1024x768
 

 

                        Foto digital: Silvane Sabóia