Enfim, nós!
 (Lêda Mello)

Fiel e doce amor que na alma abrigado,
Entre tormentas, da paz fez-se imagem,
Supremo anelo, enfim, alcançado,
Doce bebida, perfumada aragem.

Amor maduro, mesmo contra o vento,
Manteve viva e acesa a chama.
Amor criança, sonho e sentimento
Canta, sorri, faz versos e declama.

Feito de luz, de fé, fibra por fibra,
Feito constante, feito amor que vibra,
Felicidade que aos olhos aflora.

Almas em festa, olhos no infinito,
Um brinde ao sonho, ao nosso amor bonito,
À nós, à vida que começa agora.

Arapiraca (AL) - Brasil
 
*********
 
Créditos:
 Midi:moonlight_love
Imagem: Fazenda Santa Rita (uso exclusivo
do site OlhosDeLince. Proibido uso e reprodução)
 

*********

Clique na imagem e envie para até 10 pessoas

CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!

Home||Menu||Livro de Visitas||E-mail
 


webdesigner:
*Ja(Mulher)*

melhor visualização: 1024x768
 

 

                        Foto digital: Silvane Sabóia