Delírio
 (Humberto Rodrigues Neto)

Pressinto, algumas vezes, que me elevo
a alcandorados cimos majestosos,
a uma bizarra região de gozos,
à qual em êxtase também te levo!

Talvez lembrando algum viver primevo,
à mente vêm-me sonhos vaporosos,
de um tempo em que, juntinhos e ditosos,
nós já vivemos e do qual me enlevo!

E é-me tão nítido esse tempo lindo....
luas... auroras... Posso até retê-las
nas mãos, o seu tamanho comprimindo!

E vão meus dedos, logo após contê-las,
revérberos de sóis em ti esparzindo,
e em teus cabelos debulhando estrelas!
 
*********
 
Créditos:
 Midi:Ernesto Cortazar:the_pianist_is_playing_our_song
Imagem: Fazenda Santa Rita (uso exclusivo
do site OlhosDeLince. Proibido uso e reprodução)
 

*********

Clique na imagem e envie para até 10 pessoas

CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!

Home||Menu||Livro de Visitas||E-mail
 


webdesigner:
*Ja(Mulher)*

melhor visualização: 1024x768
 

 

                        Foto digital: Silvane Sabóia