Alquimias
(Cleide Canton)

Comparsas cujos passos, numa dança,
fugiram da perfeita sintonia,
saudosos da beleza de um só dia,
imploram por viver da esperança.

E os gestos vagos causam euforia
no olhar de amor de quem jamais se cansa.
Se tarde viu chegar a tal bonança,
é cedo para a dor da nostalgia.

Na voz, o leve canto de ternura,
espanta o gosto fel da desventura
e diz do amor que teima renascer.

As fases se misturam na razão
de quem não quer tirar os pés do chão
na luta por um novo amanhecer.


SP, 01/09/2009
15:00 horas

*********
 
Créditos:
 Midi: i_will_wait_for_you.mid
Imagem: Fazenda Santa Rita (uso exclusivo
do site OlhosDeLince. Proibido uso e reprodução)
 

*********

Clique na imagem e envie para até 10 pessoas

CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!

Home||Menu||Livro de Visitas||E-mail
 


webdesigner:
*Ja(Mulher)*


melhor visualização: 1024x768
 

 

                        Foto digital: Silvane Sabóia