A cada despertar
 (Regina Coeli)

Eu sinto a brisa alegre do meu dia
Cantando suavemente pra alegrar
As cores nos jardins a bocejar
Beleza tão sublime que extasia...

A mão do sol me vem e acaricia
Minha tristeza muda a soluçar
A lágrima que turva o meu olhar
E esconde o bem-te-vi que me sorria...

E vou ao ontem e apanho lá um sorriso
E o faço cor de prata à luz da lua
Em brilho a iluminar o irmão da rua...

Empresta-me tua flauta, que eu preciso,
Meu lindo sabiá da laranjeira,
Pra musicar de Amor minh´alma inteira!

 
*********
 
Créditos:
 Midi: an_affair_to_remember
Imagem: Fazenda Santa Rita (uso exclusivo
do site OlhosDeLince. Proibido uso e reprodução)
 

*********

Clique na imagem e envie para até 10 pessoas

CLIQUE PARA RECOMENDAR ESTA PÁGINA!

Home||Menu||Livro de Visitas||E-mail
 


webdesigner:
*Ja(Mulher)*

melhor visualização: 1024x768
 

 

                        Foto digital: Silvane Sabóia